Home
esact@ipb.pt Mapa do Site Mini-URL IPB
 

Data de Publicação: 09/11/2017
Informa-se que está a decorrer o processo de eleição das comissões de curso, conforme despachos em anexo. Toda a documentação poderá ser consultada no link abaixo.
Link:

Data de Publicação: 27/10/2017
O principal objetivo é preparar e habilitar o candidato a obter aprovação no exame de acesso à OSAE, através da articulação dos conhecimentos jurídicos teóricos com a resolução de casos práticos nas áreas da Ética e Deontologia, dos Registos e Notariado, do Direito Fiscal, do Direito Civil e do Processo Civil, quer declarativo, quer executivo (na vertente do mandatário). Nesse sentido, foram convidados formadores com experiência e qualidade indiscutíveis nas áreas referenciadas. No final da formação, far-se-á um exame de simulação, a fim de o candidato aferir os seus conhecimentos nas matérias objeto de avaliação. 

Formadores
  • Maria João Ricardo (Módulo I): Solicitadora. Docente do IPCA.
  • Ana Paula Esteves (Módulo II): Docente da EsACT-IPB. Inspetora do Instituto dos Registos e do Notariado, I.P.
  • Nina Aguiar (Módulo III): Docente da ESTiG-IPB e da EsACT-IPB. Doutora em Direito Tributário.
  • Rute Couto (Módulo IV – Direito Civil): Docente da EsACT-IPB.
  • Luís Ribeiro (Módulo IV – Direito Civil e Procedimentos Especiais): Solicitador. Docente da Universidade Portucalense.
  • Virgínia Alves (Módulo VI – Processo Civil): Docente da EsACT-IPB. Advogada. 

Datas
12/11/2017 a 27/01/2018 

Horário
Sextas-feiras: 17h00 às 23h30h (com um intervalo entre as 19:30h e as 20h30m).
Sábados: Manhãs: 9h00 às 13h00; Tardes: 14h00 às 16h00. 

Data limite para inscrição
12 de novembro de 2017 

Link:
Anexos: Cartaz

Data de Publicação: 26/10/2017
Vai realizar-se na EsACT o seminário “Accountability e responsabilização num contexto de uma nova gestão financeira pública em Portugal”, inserido no ciclo de seminários "Accountability, Transparência e Participação no Setor Público".

Programa:

Patrícia Gomes –Professora do IPCA e Investigadora de Contabilidade Pública
“O SNC-AP e a importância da contabilidade de gestão para uma melhor responsabilização dos serviços públicos”
Luís Viana –UniLEO
O SNC-AP e a nova gestão financeira pública em Portugal -contributos para a accountability

Moderadores: Sónia Nogueira e Pedro Camões


Público-alvo: Comunidade Comunidade académica, investigadores ou interessados nos temas da Administração Pública e áreas de conhecimento similares.

Inscrições aqui.

Grande Auditório da EsACT
10 de novembro 2017
Das 14h30 às 16h30
Link:

Data de Publicação: 06/10/2017
Informam-se os estudantes da EsACT que está aberta a candidatura a Bolsas de Colaboração nos Serviços de Biblioteca da EsACT, no período compreendido entre 09/10/2017 e 20/10/2017.

Modelo de candidatura


Edital nº BC-02/2017

Local de prestação da colaboração:
Biblioteca da EsACT

Funções de colaboração a desempenhar:
Atendimento ao balcão e operacionalização do funcionamento dos serviços de biblioteca.

Perfil dos candidatos, requisitos de admissão e preferenciais:
Os bolseiros deverão ter conhecimentos de informática, constituindo condição preferencial o número de créditos obtidos em unidades curriculares da área científica de informática de planos de estudos de curso técnico superior profissional e licenciatura. Os bolseiros deverão ainda ter facilidade de expressão verbal.
O Regulamento para atribuição de Bolsa de Colaboração estabelece condições preferenciais para estudantes bolseiros.

Data de início da colaboração, previsão do número de horas diárias e cronograma da colaboração:
Código
Bolsa

Bolsas
Data Início Horário Dias da Semana
horas
diárias
BC#1/2017 2 Novembro (2017)

20:00 - 22:30 Segunda-feira a
sexta-feira
2,5
BC#2/2017 2 09:00 - 15:00 Sábado

6

Nota: poderá haver ajustes nos horários de acordo com as necessidades.


Critérios de selecção e seriação:
A ordenação final dos candidatos é elaborada de acordo com as condições preferenciais e critérios de seriação estabelecidos no artigo 5.º do Regulamento para Atribuição de Bolsa de Colaboração.
A classificação final dos candidatos resultará da média ponderada das classificações quantitativas dos dois métodos de seleção [avaliação curricular (AC) e entrevista (E)] que será expressa na escala de 0 a 20 valores e será efetuada através da seguinte fórmula: Classificação Final, CF = 0,6 x AC + 0,4 x E.

Composição do júri:
Sónia Nogueira, Subdiretora da EsACT-IPB;
António Mourão, Subdiretor da EsACT-IPB;
Ana Isabel Lopes Régua, Técnica Superior da EsACT-IPB.

Valor da bolsa de colaboração:
Carregamento do cartão de estudante. O valor de referência para pagamento da bolsa é 4,00€/hora para colaborações superiores a 6h/semanais.

Período e documentação de candidatura:
Apresentação de candidatura nos Serviços Administrativos da EsACT, de 9 a 20 de outubro de 2017.
Os candidatos deverão preencher os modelos de candidatura e Curriculum Vitae, em impressos próprios.
A candidatura poderá ser efetuada por submissão eletrónica da documentação exigida para esact@ipb.pt
Categorias: Avisos,Alunos

Data de Publicação: 06/06/2017
As novas tendências de governação do setor público têm influenciado de forma inequívoca o poder local em Portugal. Entre muitas outras iniciativas, a reforma da Administração Local efetivou a reorganização administrativa do território das freguesias, via fusão, com o intuito de criar escala e reforçar a atuação das mesmas. Quatro anos volvidos, ainda são várias as questões que se colocam em torno desta reorganização, em particular as principais e diversas implicações, bem como a exigência de revisão do modelo de financiamento e a respetiva interligação com as competências.



Enquanto resultado da democracia local, a cooperação intermunicipal tem permitido um novo leque de opções à disposição das Autarquias Locais na organização e gestão dos serviços públicos. Atualmente, e de entre as diferentes formas de cooperação, as Comunidades Intermunicipais (CIM) mantêm-se como associações de municípios de fins múltiplos, detendo competências próprias, definidas por lei ou estatutos, e competências delegadas, quer pelo Estado, quer pelos municípios. Tomando por base estas premissas, a CIM das Terras de Trás-os-Montes considera como eixo estratégico de desenvolvimento da região, o Turismo, tendo elaborado o Plano de Marketing Territorial para as Terras de Trás-os-Montes.


Programa:

Sexta-feira, 9 de junho
14h15 – Receção dos participantes
14h30 – Sessão de abertura
14h35 – I Sessão: Reorganização Administrativa do Território das Freguesias(Engº Jorge Neves – Vice-Presidente da ANAFRE)
15h10 – II Sessão: Cooperação Intermunicipal e Plano de Marketing Territorial das Terras de Trás-os-Montes (Drº Américo Pereira – Presidente do Conselho Intermunicipal da CIM-TTM)
15h40 – Debate
15h50 – Encerramento da parte curricular da 2ª Edição dos Mestrados da EsACT (Sónia Nogueira – Diretora do curso de Mestrado em Administração Autárquica e Ricardo Alexandre Correia – Diretor do curso de Mestrado em Marketing Turístico).
16h00 – Encerramento.

Público-alvo: comunidade académica, quadros dirigentes e de chefia, técnicos superiores e técnicos das autarquias locais, quadros técnicos e dirigentes de instituições turísticas e culturais, empresários de unidades de alojamento e restauração e outros interessados.



  • Accountability e responsabilização num contexto de uma nova gestão financeira pública em Portugal
  • Novembro - 2017
    DomSegTerQuaQuiSexSab
    1234
    567891011
    12131415161718
    19202122232425
    2627282930  
    Dezembro - 2017
    DomSegTerQuaQuiSexSab
    12
    3456789
    10111213141516
    17181920212223
    24252627282930
    31      
    Janeiro - 2018
    DomSegTerQuaQuiSexSab
    123456
    78910111213
    14151617181920
    21222324252627
    28293031   
    Escola Superior de Comunicação, Administração e Turismo, Instituto Politécnico de Bragança, Campus do Cruzeiro - Avenida 25 de Abril, Cruzeiro, Lote 2. Apartado 128. 5370-202 Mirandela.
    Tel: 278201340/300029900. E-mail Geral: esact@ipb.pt